Monitoramento Ambiental
  

Qualidade do ar

Em novembro de 2010, entrou em operação a primeira das dez estações da Rede de Monitoramento da Qualidade do Ar de Salvador (nove fixas e uma móvel), localizada na Avenida Paralela, em frente ao Monumento Luís Eduardo Magalhães.

Somando-se às estações de Camaçari e de Dias D'Ávila, região cuja qualidade do ar já é monitorada há 16 anos, a Bahia passará a contar com um total de 24 estações, 10 na capital e 14 na região metropolitana.

As unidades da Rede de Monitoramento do Ar, em operação, emitem relatórios diários, mensais e anuais para o Instituto do Meio Ambiente (IMA), permitindo a formulação de políticas públicas para a melhoria da qualidade do ar na região de sua abrangência. Com medições a cada 15 minutos, as avaliações da qualidade do ar variam de ‘crítica’ a ‘boa e serão atualizadas e disponibilizadas, a cada hora, nos sites da Cetrel e do IMA.